Quinta das Palmeiras vai ao teatro

“Teatro Ensina” traz Auto da Barca do Inferno, de Gil Vicente, e uma adaptação de O Cavaleiro da Dinamarca, de Sophia de Mello Breyner Andresen à UBI e a escola esteve lá!”

Ontem, dia 2 de dezembro, 127 alunos de 9º ano embarcaram na aventura proposta pela Biblioteca e pelo Grupo de Português da escola e deslocaram-se até à UBI, onde, no Auditório das Sessões Solenes, assistiram à representação do auto de Gil Vicente que faz parte do Programa da disciplina de Português.

Quem assistiu à representação foi unânime em considerar que foi um excelente espectáculo, que deixou bem patente a atualidade da mensagem da peça.

Alguns alunos fizeram questão de registar o seu testemunho sobre o que viram. Apresentamos aqui alguns  exemplos:

Na minha opinião, a representação foi muito divertida e adorei fazer de bode, o símbolo cénico do Judeu. Foi a minha primeira experiência como ator ! 

Pedro Brito

A peça de teatro foi incrível! Atores bons, cenário bom, foi tudo positivo! Uma peça fantástica, que ninguém deveria perder ! 

Rodrigo Soares

No meu entender, a representação foi muito boa. Os atores tentaram criar uma ligação com os espectadores, o que nos fez ver a peça com outros olhos. Foi uma representação divertida e diferente, que me fez gostar ainda mais da obra ! 

Laura Baltazar

Esta representação foi uma forma de nós, alunos, percebermos melhor o texto de Gil Vicente. Gostei muito desta representação e espero que a escola nos proporcione mais atividades como esta ! 

Leonor Carreira

No mesmo dia, 145 alunos de 7º e 8º anos, assistiram, no mesmo espaço, à representação de uma adaptação de O Cavaleiro da Dinamarca, de Sophia de Mello Breyner Andresen, pela mesma companhia. Os comentários à representação foram igualmente positivos, tendo os alunos salientado o seu agrado por assistirem ao espetáculo e a sua vontade de repetirem a experiência.

Quanto a nós, professores que dinamizámos a atividade e acompanhámos os alunos, sublinhamos a qualidade das duas representações e destacamos a contribuição destas atividades para o desenvolvimento das aprendizagens dos alunos.